Desfile das Kengas encanta público no Polo Centro Histórico

Um dia cercado de muita emoção, animação e irreverência no Polo Centro Histórico com o tradicional desfile das Kengas e os shows de Jaina Elne e Maria Alcina. Após o desfile das Kengas, a cantora Maria Alcina foi homenageada pelo bloco que completou 34 anos. Alcina foi agraciada como “Madrinhas das Kengas”.

O primeiro show ficou por conta de Jaina Elne que cantou clássicos do Carnaval. O prefeito Carlos Eduardo agradeceu a multidão presente e acompanhou todo o concurso, conforme todos os anos “O Centro histórico está fazendo um belo Carnaval, e o ponto alto é o desfile das Kengas, portanto, o carnaval de Natal voltou e voltou com tudo. Estamos vivendo uma festa maravilhosa e o desfile das Kengas só vem abrilhantar ainda mais a nossa festa”, comemorou o prefeito.

A Praça Sete de Setembro virou uma passarela da beleza, 40 kengas desfilaram para o público com fantasias e exuberância o que levou o público a vibrar e torcer pela kenga preferida. A edição de 34 anos do bloco mais irreverente e debochado do RN homenageou a China. “É uma satisfação imensa organizar o desfile que a cada ano aumenta a participação de kengas”, festejou Lula Belmonte organizador do desfile.

Para Divina Shakira uma das apresentadoras do evento trata-se de um concurso encantador “É um sentimento que a todo ano se renova, são energias novas. Eu acho legal porque vejo que vêm muitas famílias, a maioria das fotos que faço é com criança”, falou. Após o desfile a comissão julgadora escolheu a kenga 2017 “Sucuri do Pantanal” que utilizou um belo figurino com detalhes e acessórios “animal print”. A vencedora também recebeu uma premiação em dinheiro no valor de R$ 937,00. “Estou emocionada. Que alegria grande, eu me programei para desfilar este ano, e vim para abocanhar esse cheque. Nosso Carnaval está lindo”.

Retornando a Natal após sete anos, a nova madrinha das Kengas, Maria Alcina, iniciou o seu show com sucessos de sua carreira como “Bacurinha”, “Prenda o Tadeu” e “Fio Maravilha” além das marchinhas que fez todos sambar. “Feliz em voltar para cantar em Natal e ainda ser coroada como madrinha das Kengas. Tudo é bom pra mim no Carnaval. Vejo o Carnaval de rua com um retorno muito importante para o país. É interessante fazermos críticas com as marchinhas durante a folia”, destacou a cantora com muita felicidade estampada no rosto.

Leia também

Leave a Reply